segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

BOLO NATALINO DE CHOCOLATE SEM GLÚTEN

Fotos: Beatriz Martins
Ingredientes:
- 3 ovos
- 3/4 de xícara (chá) de óleo
-  1 e 1/2 xícara (chá) de açúcar
- 1e 1/2 xícara (chá) de leite
- 1 colher (chá) de essência de marasquino
- 3 colheres (sopa) de chocolate em pó
- 1 colher (chá) de CMC
- 2 xícaras (chá) de farinha de arroz (200g)
- 1 xícara (chá) de amido de milho
- 1 colher (sopa) de fermento em pó químico
- 1/2 xícara (chá) de nozes picadas
- 1/2 xícara (chá) de cerejas em calda picadas

Modo de Fazer:

Em uma tigela misture a farinha de arroz, o amido de milho e o fermento. Adicione as cerejas picadas e a nozes, misture e reserve.
No liquidificador, bata os ovos , o óleo, o açúcar, o leite ,a essência e o chocolate em pó. Sem parar de bater, acrescente o CMC e bata até a mistura engrossar.
Acrescente a mistura do liquidificador a mistura de farinhas, mexa bem e leve para assar, em forma com furo central, em forno pré-aquecido a 180° por aproximadamente 40 minutos.
Desenforme e deixe esfriar.

Cobertura:

- 300g de açúcar de confeiteiro
- 1/4 de xícara (chá) de leite
- cerejas, nozes e confeitos para decorar

Modo de fazer a cobertura:

Misture muito bem o açúcar e o leite, leve ao microondas por 40 segundos em potência máxima para aquecer. Despeje sobre o bolo e decore a gosto.




sexta-feira, 10 de junho de 2016

Bolo Sonho sem glúten

Foto: Beatriz Martins
Ingredientes:
Bolo:
- 3 ovos
- 1/2 xícara (chá) de óleo
- 1 e 1/2 xícara (chá) de açúcar
- 1 e 1/2 xícara (chá) de leite
- 1 colher (chá) de CMC
- essência de baunilha a gosto
- 200 g de farinha de arroz ou creme de arroz (2 xícaras)
- 80 g de amido de milho
- 1 colher (sopa) de fermento em pó químico

Creme de Confeiteiro:
- 400 ml de Leite
- 100 g de Açúcar de confeiteiro
- 50 g de amido de milho
- 1  Ovo
- 1  Gema   
- 1 Colher  (chá) de extrato de baunilha
Modo de Fazer:
Bolo:
Bata as gemas, o óleo, o açúcar e o leite no liquidificador por mais ou menos 3 minutos. Acrescente, sem parar de bater o CMC e a essência. Bata bem até ficar uma mistura cremosa. Reserve. Bata as claras em neve e reserve.Misture, em uma tigela, a farinha de arroz, o amido e o fermento. Acrescente o creme batido e mexa bem até misturar tudo. Acrescente as claras batidas misturando delicadamente. Coloque em forma untada e leve para assar em forno pré-aquecido (180°) por aproximadamente 30 minutos. Desenforme, espere esfriar.

Creme de Confeiteiro
Misture a gema de ovo, o ovo, o açúcar de confeiteiro e o amido de milho numa tigela.
Ferva o leite com a essência de baunilha, e retire do fogo quando começar a ferver.Adicione um pouco de leite quente à mistura de ovos e mexa rapidamente. Ao fazer isto estamos temperando os ovos, e evitamos que eles cozinhem.
Após o passo anterior, transfira a mistura para a panela do leite e cozinhe em fogo médio, mexendo sempre para evitar que queime. Quando espessa, baixe o fogo e cozinhe por mais 3 minutos.
Verta o creme para uma tigela, cubra com filme plástico (para evitar que se forme uma película), e reserve na geladeira até ao momento de usar.

Montagem:
 Corte ao meio e recheie com o creme de confeiteiro.
 Polvilhe açúcar de confeiteiro e pode se deliciar. 
Fica divino...

segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

Chocolate caseiro sem glúten, leite ou soja

Essa dica da Marciéli Palhano do site Zero Glúten e Lactose é demais....
Ingredientes
2 colheres de óleo de coco líquido
- 2 colheres de cacau
- 2 colheres de mel

Modo de Fazer
Misture todos os ingredientes até ficar um creme bem homogêneo e leve-o às formas. Deixe o chocolate na geladeira por dez minutos e seus bombons ou ovos estarão prontos para serem desenformados.
A receita rende 4 bombons médios. Você pode ampliá-la para fazer massa suficiente para suas formas de bombom.

Sabores:
Pode acrescentar ingredientes como coco, amendoim, nozes, semente de chia, damasco e outras frutas secas diretamente na massa do chocolate. Outra alternativa é criar recheios para os ovos trufados com mousse vegano de chocolate, brigadeiro sem leite e tudo mais que sua criatividade permitir.

Fonte:
 http://www.zeroglutenlactose.com/index.php/2016/02/26/chocolate-caseiro-sem-gluten-leite-ou-soja/?lang=pt-br#sthash.B3X6PBuL.dpuf

Cartilha com orientações - Criança Celíaca indo para a escola


Cartilha com orientações aos pais e professores de crianças celíacas.

Autora: Flavia Anastácio de Paula

Faça download clicando no link abaixo - baixe é gratuíto.

http://www.riosemgluten.com/Crianca_Celiaca_indo_para_escola_2011.pdf

sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

Panqueca de Polvilho sem glúten


Ingredientes:
Massa:
- 4 ovos
- 2 xícaras (chá) de leite (480 ml)
- 2 ½ xícaras (chá) de polvilho doce (250 g)
- 1 colher (café) de sal
- recheio de sua preferência

Pasta de Cenoura:
- 2 xícaras (chá) de cenoura ralada (250 g)
- 2 xícaras (chá) de ricota ralada (250 g)
- ½ xícara (chá) de maionese (100 g)
- sal e pimenta-do-reino a gosto

Pasta de Espinafre:
- 1 xícara (chá) de espinafre cozido, picado e refogado (200 g)
- 2 xícaras (chá) de ricota ralada (250 g)
- ¼ xícara cheia (chá) de maionese (60 g)
- sal e noz moscada a gosto

Pasta de Frango:
- 2 xícaras (chá) de frango temperado, cozido e desfiado (300 g)
- ½ xícara (chá) de maionese (100 g)
- salsinha e cebolinha picadinhas a gosto

Pasta de Ovos:
- 8 ovos cozidos e picados  
- ½ xícara (chá) de maionese (100 g)
- sal, pimenta-do-reino, salsinha e cebolinha picadinhas a gosto

Modo de Preparo:
Panqueca:
Num liquidificador coloque 4 ovos, 2 xícaras (chá) de leite, 2 ½ xícaras (chá) de polvilho doce, 1 colher (café) de sal e bata bem até formar uma massa homogênea.
Numa frigideira, em fogo médio, aquecida e untada com manteiga coloque uma concha da massa de panqueca e espalhe cobrindo todo o fundo da frigideira. Doure um lado por 1 minuto, depois, com cuidado vire a panqueca com uma espátula e doure o outro lado por mais 1 minuto. Retire a panqueca da frigideira e repita este procedimento com toda a massa. Reserve.
Pastas:
Pasta de Cenoura:
Numa tigela coloque 2 xícaras (chá) de cenoura ralada, 2 xícaras (chá) de ricota ralada, ½ xícara (chá) de maionese, sal e pimenta-do-reino a gosto e misture bem. Utilize em seguida.

Pasta de Espinafre:
Numa tigela coloque 1 xícara (chá) de espinafre cozido, picado e refogado, 2 xícaras (chá) de ricota ralada, ¼ xícara cheia (chá) de maionese, sal e noz moscada a gosto e misture bem. Utilize em seguida.

Pasta de Frango:
Numa tigela coloque 2 xícaras (chá) de frango temperado, cozido e desfiado, ½ xícara (chá) de maionese, salsinha e cebolinha picadinhas a gosto e misture bem. Utilize em seguida.

Pasta de Ovos:
Numa tigela coloque 3 xícaras (chá) de ovos picados, ½ xícara (chá) de maionese, sal, pimenta-do-reino, salsinha e cebolinha picadinhas a gosto e misture bem. Utilize em seguida.

Utilize como:
Torta Salgada
Pegue uma panqueca (feita acima) e coloque sobre um prato de servir. Sobre a massa espalhe uma porção de recheio de sua preferência em seguida coloque mais uma panqueca. Repita o mesmo procedimento até terminarem os ingredientes alternando os recheios e sendo a última camada de panqueca. Cubra com queijo cremoso e leve para gelar.

Panqueca
Pegue uma panqueca (feita acima), coloque o recheio de sua preferencia e enrole. Repita esse procedimento até terminar com as panquecas. Sirva em seguida com molho de sua preferência.

Sanduíche
Pegue uma panqueca, passe uma fina camada de pasta, uma fatia de queijo, mais uma fina camada de pasta e uma panqueca. Passe uma fina camada de pasta, uma fatia de presunto, mais uma fina camada de pasta e cubra com a panqueca. Corte em retângulos.
Fonte: Facebook - Página Receitas com Amor

sábado, 28 de novembro de 2015

BOLO DE TAPIOCA SEM GLÚTEN

Imagem: Nando Pernambuco
Fonte:
Livro "As Doceiras", de Carla Pernambuco e Carolina Brandão - Companhia Editora Nacional
Tempo de Preparo: Rápido - 50 minutos a 1 hora
Rendimento: 8 a 10 porções
Dificuldade de preparo: Fácil
Utensílios:
forma redonda de furo no meio com 30 cm de diâmetro ou de 8 a 10 forminhas pequenas, para porções individuais

Ingredientes:
- 6 ovos
- 200 g de manteiga
- 2 xícaras (chá) de açúcar
- 1 xícara (chá) de leite
- 2 xícaras (chá) de leite de coco
- 1/2 xícara (chá) de coco seco ralado
- 3 xícaras (chá) de farinha de tapioca
- 1 colher (sopa) de fermento químico em pó
- manteiga para untar
- farinha de arroz para polvilhar
- 1/2 lata de leite condensado para regar
 
Modo de preparo
1. Numa tigela, bata as claras em neve e reserve.
2. Em outra tigela, bata a manteiga com o açúcar até esbranquiçar.
3. Junte as gemas, o leite, o leite de coco e o coco ralado e bata mais um pouco.
4. Acrescente a farinha de tapioca e bata até misturar.
5. Incorpore delicadamente o fermento e as claras em neve.
6. Unte a forma (ou as forminhas) com manteiga e polvilhe com farinha de arroz. Distribua a massa.
7. Leve ao forno pré-aquecido a 160ºC e asse por cerca de 30 minutos.
8. Quando ficar morno, desenforme e regue com leite condensado.

sábado, 24 de outubro de 2015

SORVETE DE LEITE NINHO TRUFADO


Ingredientes: 
- 1 Lata de Leite Condensado
- 1 Caixinha de Creme de Leite
- 1/2 Envelope de Gelatina sem sabor
- 200ml de Água
- 5 Colheres (sopa) cheias de Leite Ninho

Ganache: 
- 50g de Chocolate ao Leite ou Meio Amargo s/glúten
- 1/2 Xícara (chá) de Creme de Leite.

Modo de Fazer
Hidrate a gelatina com 4 colheres de água no micro-ondas por 15 segundos. Coloque todos os ingredientes no liquidificador e bata durante 3 minutos. Leve para gelar por cerca de 3h. Faça a ganache de chocolate, colocando em um reciepiente de vidro o chocolate picado com o creme de leite no microondos em potência 50% por 30 segundos, se necessário repita o procedimento mais uma vez. Misture bem para que fique uniforme e cremoso. Reserve. Após o tempo de 3h no congelador do creme de Leite Ninho, bata na batedeira para ficar mais cremoso, cerca de uns 3 minutos. E em um recipiente com tampa, coloque uma parte do creme, e vá pingando colhereradas de ganache, repita esse processo até o fim e termine com um pouco de ganache por cima. Leve ao congelador por cerca de 8h. Sirva.
Fonte: http://cakepot.com.br/2015/08/16/sorvete-de-leite-ninho-trufado/

terça-feira, 8 de setembro de 2015

Bolo Pavê de Morango Sem Glúten

 Foto:Beatriz Martins
Ingredientes:
Massa:
- 3 ovos
- 1/2 xícara (chá) de óleo
- 1 e 1/2 xícara (chá) de açúcar
- 1 xícara (chá) de leite 
- 1 colher (sopa) de amido de milho
- 1 colher (chá) de CMC
- 1/2 colher (chá) de essência de baunilha
- 2 xícaras (chá) de farinha de arroz
- 1 colher (sopa) de Fermento em pó químico

Recheio:
- 1 lata de leite condensado
- 1 litro de leite
- 3 gemas
- essência de baunilha a gosto
- 3 colheres (sopa) de  amido de milho
- 1 caixinha de Chantilly Amélia batido
- 1 ou 2 caixas de morangos picadinhos

Cobertura
- 1 caixinha de Chantilly Amélia

Modo de Fazer:
Massa:
Bater no liquidificador os ovos, o óleo, o açúcar até ficar homogêneo. Ir acrescentando na ordem, sem parar de bater, o leite, o amido de milho, a essência e o CMC. Reserve.
Em uma tigela, misture a farinha e o fermento e depois acrescente a mistura reservada misturando bem, sem bater,  até ficar homogêneo. Coloque a massa em assadeira retangular(25x32) untada e enfarinhada com farinha de arroz e leve para assar em forno pré-aquecido (180°) por aproximadamente 35 minutos.

Recheio:
Bater o Chantilly e reservar. 
Misturar o leite condensado, o leite, as gemas peneiradas, o amido e a essência e levar ao fogo até engrossar. Deixar esfriar bem e misturar o chantilly batido e os morangos.

Montagem:
Em uma travessa funda fazer camadas de bolo e creme terminando em bolo. Se quiser, umedeça as camadas de bolo com uma calda rala de água e açúcar ou leite e açúcar.
Decore com chantilly batido.

Fica simplesmente divino....  
Esta receita rende uma travessa grande.

sábado, 29 de agosto de 2015

MUSSE DE QUEIJO BRANCO COM GOIABADA CREMOSA


Fonte: chef Carla Elage - Buffet Brilat Gourmet, São Paulo - SP
Tempo de Preparo: Etapas - 30min + 2h para gelar
Rendimento: 8 a 10 porções
Dificuldade de preparo: Fácil

Ingredientes
- 1 queijo minas frescal branco (500 g)
- 1 lata de creme de leite sem o soro
- 1/2 lata (do creme de leite como medida) de açúcar
- 1 lata de leite condensado
- 1 sachê de gelatina em pó sem sabor e sem corante (12 g)
- 1 vidro de goiabada cremosa (250 g)(comprada pronta)

Modo de preparo
1. Em um liquidificador, bater o queijo com o açúcar, creme de leite e leite condensado.
2. Colocar a gelatina em pó numa tigela pequena e acrescentar 1 xícara (café) de água para hidratar (ver instruções do fabricante).
3. Em seguida, colocar a gelatina hidratada no micro-ondas por 20 segundos ou até ficar transparente, sem ferver.
4. Misturar a gelatina ao creme obtido no liquidificador, até incorporar bem.
5. Colocar a preparação em forma grande ou em taças/ramequins individuais.
6. Gelar por, no mínimo, 2 horas.
7. Desenformar na hora de servir e guarnecer com a goiabada cremosa.
Fonte: http://basilico.uol.com.br

quinta-feira, 16 de julho de 2015

Dicas de Mestre: Escola de gastronomia e confeitaria do Senac


Dicas de Mestre: Escola de gastronomia e confeitaria do Senac
.
Instruções:

1. Leia toda a receita e tenha certeza de ter todos os ingredientes para assar o seu bolo perfeito. Se você esquecer de um ingrediente ou colocar um errado, o resultado pode ser desastroso. Retire os ingredientes que ficam na geladeira para fora e deixem que cheguem na temperatura ambiente. (Ovos – não mais que 30 min antes da hora da preparação)

2. Tenha certeza que você tem as formas corretas. Tamanhos impróprios causam bolos cozidos em excesso, pouco cozidos ou feios. Unte o interior usando manteiga e farinha e retire o excesso. Reserve.

3. Pré-aqueça o forno com a temperatura especificada na receita, por pelo menos 20 minutos antes de assar o bolo. A posição da prateleira é mais um ponto importante. Antes de ligar o forno, ajuste a prateleira à posição designada pela receita. Para bolos a melhor posição é no centro do forno. A temperatura do forno para bolo simples deve ser de 180°C, ou seja, forno médio.

4. Meça exatamento todos os ingredientes usando copos medidores para secos e líquidos. Peneire todos os ingredientes secos. Bater bem a manteiga e o açúcar, até ficar um creme esbranquiçado. Acrescentar as gemas e continuar batendo.
Acrescentar as farinhas e o líquido, por etapas alternadas, para obter uma mistura homogênea. Acrescentar delicadamente as claras batidas em neve, para que o ar não se perca. O fermento em pó deve ser acrescentado só no final da preparação para que sua ação não seja enfraquecida.

5. Encha 2/3 das formas com o bolo e em alguns casos dê uns tapinhas com a forma em cima da mesa para que as bolhas de ar subam para a superfície.

6. Fique sempre de olho no tempo, se você possuir um timer, use-o. Não abrir o forno antes de 15 a 20 minutos.Uma boa regra é sempre conferir o bolo 8 minutos antes do tempo estipulado pela receita. Faça o teste do palito: insira um palito no centro do bolo para checar a consistência, se ele sair limpo o bolo está pronto, mas se sair sujo espere mais 4 minutos e olhe novamente.

7. Retire a forma do forno e coloque sobre algum tipo de grelha e deixe esfriar de 10 a 20 minutos. Passe uma faca em volta da borda da forma para soltar o bolo. Segurando a grelha sobre a forma, gire para retirar o bolo. Deixe esfriar completamente.

Os Ingredientes:

A Gordura – faz o bolo ficar macio, atenuando a ação da farinha. Para que as gorduras fiquem bem misturadas, devem ser batidas energicamente com o açúcar. O excesso de gordura pode deixar o bolo pesado, compacto, indigesto. Sua falta faz com que o bolo fique seco, duro.

O amido de milho – deixa à massa leve, mais leve que a farinha de trigo, vai permitir que seu bolo fique mais macio e saboroso.

O Açucar – na maioria das receitas, deve ser batido com a manteiga, pois da combinação destes dois elementos resulta a maior delicadeza da massa. O excesso de açúcar faz o bolo ficar com textura desigual, levemente grossa, impedindo seu crescimento.

Os Ovos – as gemas ajudam a estabilizar, dar liga à massa. Devem ser batidas com o açúcar e a manteiga. A s claras que dão leveza à massa devem ser batidas em neve para fornecer maior quantidade de ar. Só devem ser acrescentadas à massa no final, delicadamente, para que o ar não se perca.

O Fermento – o fermento em pó deve ser acrescentado só no final da preparação para que sua ação não seja enfraquecida, pois começa a agir quando entra em contato com os líquidos frios.

O Óleo – o óleo além do sabor, impede que o glúten se forme, pois vai envolver as proteínas da farinha, impedindo que elas se liguem entre si. Vai portanto contribuir para o bolo ficar mais macio.

O Leite – o leite vai fornecer água para além da existente nos ovos, que vai contribuir para tornar o bolo mais úmido e gostoso.

A Água - quando feito com água, o bolo fica mais leve e não tao pesado e nutritivo como quando feito com leite.Também para quem é alérgico ao leite sempre tem como opção a água ou para quem não goste de leite.

O Leite e a Água morna – a água ou o lente morno ativa o efeito do fermento que vai na massa, produzindo milhões de bolhinhas, portanto contribui para tornar os bolos mais leves.

O Bicarbonato de Sódio – como o fermento ele serve para fazer o bolo crescer, ele é também adicionado junto com o fermento para neutralizar alguns ácidos na receita (vinagre, iogurte, chocolate, etc) e para adicionar maciez. Mas para o bolo crescer melhor prefira sempre o fermento. E serve também para realçar a cor do bolo principalmente em bolos de chocolate.

Recheio e Cobertura – até os mais simples bolos se transformam em grandes super-receitas quando recebem um delicioso recheio. E se tiverem um acabamento caprichado, melhor ainda, pois podem até virar bolo de festa. Branquinho, brigadeiro, leite condensado, doce de leite são algumas sugestões que podem incrementar a sua receita. Ah, importante: o bolo deve estar completamente frio para receber recheio ou cobertura. E também deixe esfriar a cobertura e o recheio por cerca de 2 horas na geladeira antes de usa-los.

Problemas:

Um bolo afundado no meio:
- Excesso de líquido
- Insuficiência de qualquer dos ingredientes secos
- Excesso de açúcar ou fermento (a massa escurece)
- Temperatura do forno alta demais
- Porta do forno aberta antes do tempo mínimo de cozimento
- Mistura leve colocada em fôrma grande e funda

Um bolo “solado” (achatado):
- Fermento vencido ou em pouca quantidade
- Líquido em excesso ou ovos em falta
- Pouca massa para uma fôrma grande
- Quantidade insuficiente de açúcar
- Mistura muito batida após inclusão da farinha
-Excesso de farinha

Um bolo compacto, pesado:
- excesso de gordura

O meio mais crescido e a superfície achatada:
-Forma colocada em grade muito alta
-Temperatura excessiva, formando rapidamente uma crosta sobre a massa.

Pão-de-ló com superfície irregular/rachada:
- Forma pequena
- Excesso de fermento
- Forno quente demais
- Massa assada em excesso

Fonte:http://saboresdacozinhasemgluten.blogspot.com.br/2013/10/dicas-de-mestre-escola-de-gastronomia-e.html